Junho/2011

jul14

2

Pequenas mensagens para reflexão diária.

Quanto mais nos expomos aos nossos olhos, mais vamos nos dando a chance de nos modificar. É preciso desvendar nossos mistérios através do conhecimento daquilo que realmente somos. Temos que ter coragem e tentar.

*****

Fazer amigos é alimentar a alma. A amizade é um tesouro conquistado para sempre. Quem tem um amigo tem o melhor da vida. As boas amizades fazem do mundo um lugar melhor, porque nos momentos difíceis, o amigo sempre surge com sua compreensão e amor. Precisamos reconhecer no outro um amigo em potencial. Dar-nos a chance de conhecer o próximo é dar uma chance a nós mesmos, ao nosso futuro e à nossa felicidade.

*****

A vida é uma simples passagem, não temos como modificar isso. O que podemos mudar é a forma como vamos viver. Felicidade ou dor são opções da alma. Mas quem não cultiva boas atitudes não pode ser verdadeiramente feliz. Terá da felicidade apenas uma ilusão passageira, restrita à vida física. Para atrairmos a felicidade, basta que estejamos em comunhão com as forças do bem.

*****

Nosso coração é o único que conhece a verdade sobre nós mesmos.

*****

Se o que dizemos é o que volta para nós em igual intensidade, é melhor que nos acostumemos a utilizar palavras suaves e amorosas.

*****

Para não nos deixarmos envolver pelas perturbações do mundo, precisamos cultivar a serenidade mental e emocional. Mente e coração serenos não são estáticos; estão em equilíbrio.

*****

A fé tem o poder de dar ânimo ao coração deprimido. Através dela, ganhamos forças para confrontar o desalento e experimentar a vitória sobre nossas próprias fraquezas.

*****

Sorte não é um acaso do destino, mas o resultado da confiança e do merecimento que acreditamos ter.

*****

A paciência vem da mansuetude da alma, que sabe esperar sem desespero e compreender sem julgar.

*****

Cada pessoa é única, mas todos temos a mesma essência. Ainda vivemos a segregação, julgando que estamos separados por fatores raciais, étnicos, culturais, econômicos e sociais. Mas essa separação não existe nem deveria servir para justificar o preconceito. Diferença não é sinônimo de inferioridade. Quando uma pessoa é diferente, ela só o é se comparada com a maioria. Não fazer parte da maioria não significa que sejamos criaturas menores. Trata-se apenas de uma escolha, um modo de vida, uma tendência. Nada disso pode ser visto como motivo para repúdio ou intolerância.  Temos que nos acostumar a ter respeito. Mais ainda, precisamos desenvolver compreensão. Às vezes, respeitamos porque seguimos regras de comportamento e educação. Mas não entendemos, realmente. Intimamente, julgamos, criticamos, condenamos. Quando não falamos mal. Tudo porque o orgulho nos faz acreditar que detemos o privilégio da verdade.  Quando realmente compreendemos, não julgamos nem criticamos. Silenciamos quando não encontramos palavras doces nem amigas para dizer; falamos somente o necessário para ajudar. Preconceito é coisa ultrapassada, de mentes que não conseguem acompanhar a evolução dos tempos. Quando o tempo modifica conceitos, ele o faz atendendo à necessidade de afirmação de valores. Não são novos valores. Respeito não é um valor novo. Sempre existiu. Só que agora estamos sendo chamados a exercitá-lo de verdade, porque o homem já encontrou o caminho do discernimento.  Nada justifica o preconceito. Jesus nunca discriminou ninguém. Ao contrário, tratava cristãos, judeus e romanos com o mesmo amor. Não seria bom nos mirarmos no exemplo dele?

*****

Perdoar não faz bem somente à alma. Foi-se o tempo em que ele era assunto apenas da religião. Hoje, a filosofia e a medicina também estudam os efeitos do perdão na saúde física e emocional do homem. Pesquisas médicas consideram que o perdão impede a liberação de substâncias nocivas no organismo, as tais ligadas ao stress.  Perdoar é libertar-se. Quando não perdoamos, a nós e ao outro, permanecemos apegados ao passado e não conseguimos dar continuidade à vida com alegria e desprendimento. E nenhum de nós, a essa altura da vida, precisa se prender a coisas difíceis.  O perdão é um importante remédio para a alma, capaz de iluminar nosso corpo emocional, já que purifica nossas emoções. E isso não é pouca coisa. Ficar entupindo nosso corpo emocional de sentimentos daninhos não dá mais. Nossa aura fica pesada, levando nosso corpo fluídico a adoecer até que a doença se instale no físico. Se experimentarmos perdoar, veremos como vamos nos sentir mais leves. O perdão esvazia o corpo astral, nele injetando luz. E luz não pesa.

*****

Quando pensamos que a vida é boa conosco, ela realmente se torna boa. Precisamos nos acostumar a querer o melhor da vida. A crença no sofrimento como única forma de redenção pode ser modificada por nós. É difícil transformar valores há tanto tempo arraigados, mas é preciso. Nesse novo século, o objetivo do ser humano há de ser a espiritualização através do amor e da alegria. A dor purifica, é verdade, mas ela não é a única. Gestos de bondade, compreensão, alegria e amor são igualmente purificadores. E não nos deixam infelizes nem deprimidos. Vamos aos pouquinhos modificar essa crença de que o sofrimento nos aproxima de Deus. Deus está sempre próximo de nós, haja o que houver, faça o que façamos. Nós é que, às vezes, parecemos nos esquecer de que Ele existe. Ele quer o nosso bem, nossa alegria. E nos incentiva a querer isso também.

*****

Está na hora de acabar com o mau humor. Ele é contagiante. Reflexo do nosso corpo emocional, impressiona outros corpos emocionais que estejam vivendo situações de desânimo. O sorriso, ao contrário, exterioriza alegria, fazendo vibrar o corpo emocional numa frequência que traz bem-estar. Somos capazes de enviar, àqueles que nos rodeiam, sentimentos que decorrem do nosso mau-humor ou da nossa alegria. É claro que cada um é dono do seu coração, e ninguém é responsável pelo que o outro está sentindo. Mas se podemos contribuir com coisas boas, por que insistir em jogar na atmosfera do planeta mais poluentes emocionais do que ela já tem? Não seria melhor nos deixarmos envolver pelo bom humor e purificar o ar que respiramos com energias do bem?

*****

Bondade não está fora de moda. Não é careta nem ultrapassada. Muito menos vergonhosa. Bondade deveria ser uma condição natural de todo ser humano. Quem age segundo princípios de bondade tem mais chances de ser feliz. Não custa nada nos desapegarmos de valores ultrapassados, muitas vezes só fruto do orgulho, e estendermos a mão, darmos uma palavra de carinho, um pouco do nosso tempo. Quando a gente usa de bondade com o próximo, a vida coloca em nossos caminhos pessoas que usarão da mesma bondade conosco. Por que não experimentar?

*****

Nada na vida é obra do acaso. A natureza, em sua perfeição, cuida de pôr cada coisa em seu lugar. Em cada situação e cada momento, estamos exatamente onde deveríamos estar. É uma ilusão acharmos que temos o poder sobre a vontade divina. Nosso livre-arbítrio não vai além dos desígnios de Deus. Precisamos nos esforçar para realizar nossos sonhos, justamente porque desconhecemos o plano de Deus para nós. Temos, porém, que ter em mente que a perfeição da vida sempre nos dá a chance da felicidade. A vida trabalha para isso, dá voltas e mais voltas para que sejamos felizes. Nós é que, com a nossa ignorância, não compreendemos ou não aceitamos que podemos construir o nosso destino. Achamos que estamos predestinados ao sofrimento, à dor, à desilusão. Só os muito ignorantes pensam assim. Se Deus movimenta toda a natureza para que ela nos traga felicidade, só não é feliz quem não quer, ou não acredita que pode, ou não sente que merece.

*****

Ninguém nos deve nada. Cada um é responsável por aquilo que pratica na vida, não pela reação do outro. Se achamos que alguém nos fez algum mal, precisamos abrir nossos olhos para tentar enxergar onde está o mal dentro de nós. Sempre há um ponto de atração, algo que magnetiza ações semelhantes. Quando esse ponto está em equilíbrio com as forças do bem, o que atraímos são coisas boas. Quando não está, a dor nos encontra. Mas isso tudo é nosso. Atração ou repulsão são forças que nos pertencem. Portanto, cabe a nós escolher que tipo de energias iremos magnetizar. Os pontos de atração, que estão dentro de nós, são gerados pela nossa palavra, nosso pensamento, nossa ação. Se cuidarmos do que falamos, pensamos e fazemos, com certeza, teremos muito mais coisas boas ao nosso redor.

*****

Ninguém nega que os tempos estão mudando. Junto com eles, devemos nos modificar também. E se queremos que o mundo se transforme num lugar melhor, temos que desenvolver esse lugar melhor dentro de nós. Isso se faz através da nossa reforma interior. Precisamos deixar de lado a resistência interna e ter coragem para olhar para dentro de nós. Encontros pessoais, com trocas de experiências visando a autoanálise e consequente renovação, são muito bons para isso. Aquele que resiste priva a si mesmo da oportunidade de crescimento. É isso que queremos para nós?

*****

Vivemos tempos difíceis. O ser humano recebeu sua última chance de progredir e permanecer neste planete. Chegou um momento em que não temos mais margens para erros. Estamos a um passo de uma transformação profunda, tanto interna quanto externa. O que somos reflete no mundo em que vivemos e vice-versa, porque a aura do planeta é formada pela soma das auras de todos os seres que aqui vivem. Quanto mais reagimos à vida com ódio e tristeza, mais esses sentimentos vão se disseminando na atmosfera. Consequentemente, o envoltório que circunda o nosso planeta vai se tornando denso, contagioso, daninho.  Ao contrário, se aproveitarmos a nossa energia para produzir sentimentos nobres, a aura da Terra irá se purificando. As vibrações de amor, felicidade e compreensão são extremamente saudáveis. Quando nos sentimos felizes, dividimos essa felicidade com todo o planeta. Cada partícula de energia do bem que lançarmos no ar irá se aliar a outras para construir uma atmosfera mais brilhante e suave.  Tudo isso depende de nós. A transformação do mundo está diretamente ligada à nossa. Se nós não mudarmos nossas atitudes, o planeta continuará assolado por tragédias. Mas se acreditarmos que as coisas boas é que irão construir o mundo, então, é assim que ele será feito.  Vamos unir forças benéficas. Exercitar amor, perdão, amizade, carinho, caridade, compreensão, respeito, felicidade, compaixão. Falar palavras bonitas, alegres, cuja modulação vibratória desperte coisas boas. Se cada um fizer a sua parte, com certeza, nosso planeta encontrará dias mais felizes no futuro. Assim como nós.

Comentários dos usuários(2):(incluir comentario)

  1. rosangela de moura em 23 de julho de 2011, disse:

    EU sou muito feliz por existir pessoas iguais a TI.Beijos compro todos os seus livro e com eles posso me corrigir um pouco mais sempre como ser humano .acabei de ler (lembranças que o tempo tras) muito bom. espero receber mensagens pelo meu imail sua seguidora em leitura. beijos de sua amiga rosangela . OBRIGADO.

  2. Mônica de Castro em 02 de setembro de 2011, disse:

    Olá, Rosangela. Fico feliz que você goste dos meus livros. Mas não estou mandando mensagens por e-mail. Se desejar, pode entrar na minha página do facebook, onde há muitas mensagens. Obrigada pelo carinho.

Comentar: